segunda-feira, 20 de agosto de 2007

PARCERIA Axl grava três faixas para CD solo de Sebastian Bach. E Bach diz que não há um "Chinese Democracy" e sim quatro!

Texto: Luciano Loccy (DIREITOS RESERVADOS/REPRODUÇÃO PROIBIDA)
Fontes: Blabbermouth.net; GunsNRoses.com; RollingStone.com; GNROnTour.com-1990; GNROnTour.com-2006PR-Inside.com; NYMag.com; NewsDay.com; ContactMusic.com; MTV.ca; ActressArchives.com; FMQB.com; Spinner.com; TheGauntlet.com; MetalHammer.co.uk; Aversion.com; NME.com; GigWise.com; IGN.com;
Imagens: SebastianBach.com; RoyZMusic.com; RobertJohnPhotography.com


Axl Rose gravou vocais para três faixas do novo CD solo de Sebastian Bach, "Angel Down" (na foto, Axl e Bach cantando juntos ao vivo em 2006). Axl divide os vocais com o ex-vocalista do Skid Row na faixa '(Love is) A Bitchslap', que deverá ser o primeiro single do álbum (veja trecho da música AQUI), no clássico 'Back in the Saddle' do Aerosmith (veja vídeo de 1977 AQUI) e também na faixa 'Stuck Inside' (veja vídeo AQUI). "Ficou animal", revelou um empolgadíssimo Sebastian Bach em entrevista ao site Blabbermouth.net. "Axl entra e nós dois gritamos como loucos. Se você gosta de gritos, você vai gostar desse disco", garante o ex-vocalista do Skid Row. E não é só. Sebastian Bach revelou ainda que gravou vocais para a música "Sorry" de "Chinese Democracy" e QUE NÃO HÁ APENAS UM DISCO "CHINESE DEMOCRACY" E SIM 'ALGO COMO QUATRO ÁLBUNS'! Veja abaixo a tradução exclusiva das declarações de Bach:

"Basicamente, a colaboração entre nós começou em dezembro do ano passado. Eu estava na casa de Axl e ele estava me mostrando o novo disco 'Chinese Democracy' - que na verdade é mais que um álbum, são, tipo, quatro álbuns. Ele estava me mostrando uma música chamada 'Sorry'. Eu comecei a cantar em cima do refrão da música e Axl pirou. Ele falou 'Nossa, ficou animal, eu quero que você cante no disco'. Então em janeiro eu gravei os vocais para o refrão dessa música 'Sorry' e ficou muito legal. Então agora que eu estou terminando de gravar o meu disco, só de brincadeira, eu mandei uma mensagem de texto para o Axl dizendo 'Ei cara, quando você vem cantar no meu disco'. Eu nunca imaginei que ele viria. E ele respondeu: 'Quando? Onde? Que horas? Onde é o estúdio? Que horas você quer que eu vá?'. Caralho, eu não acreditei!".

Bach afirmou ainda que ficou maravilhado com a performance de Axl em 'Angel Down' (veja a capa do disco ao lado) - e disse que a voz de seu colega está 'afiada como uma navalha. A empolgação de Bach com as gravações é tamanha que o vocalista comparou a parceria com a de Bob Dylan e Johnny Cash. "Eu tenho um disco do Bob Dylan chamado 'Nashville Skyline' e Johnny Cash canta em várias músicas desse disco. É um disco animal. Eu sempre imaginei como seria ter dois vocalistas numa banda. E foi isso que aconteceu comigo e Axl. Ele canta um verso, eu canto outro, depois a gente canta junto. Ficou animal de ouvir. Eu sou o cara mais sortudo do mundo por ter o Axl cantando no meu disco", disse Bach.

O ex-vocalista do Skid Row revela ainda que pediu permissão para Axl antes de divulgar a parceria. "Eu perguntei para ele: 'Posso falar para as pessoas que você está no meu disco'. Axl disse: 'Claro, pode falar para todo mundo, conte para a porra do mundo inteiro!'. Mas ninguém melhor para falar sobre a parceria do que o próprio Axl Rose. O cantor publicou um depoimento no site do seu novo Guns n' Roses (GunsNRoses.com) sobre a parceria com Sebastian Bach. Veja abaixo a tradução exclusiva feita pelo blog NoticiasdoGuns:

"Bas perguntou se eu queria cantar no novo disco dele, "Angel Down". Eu concordei e fui até o estúdio dele onde ele me mostrou as faixas. Eu gostei muito da faixa título 'Angel Down' mas achei que não seria certo cantar nela, mesmo sabendo que ficaria legal porque é uma faixa do tipo arranca-cabeça!! A sessão de gravação foi numa atmosfera divertida e eu acabei cantando em algumas músicas que se mostraram [adequadas] e também porque eu Bas e o produtor dele, Roy Z estávamos curiosos para ver se meus vocais poderiam trazer algo de bom para essas músicas.

Bas realmente queria que eu cantasse em "Bitchslap" e eu acabei tentando minhas proprias idéias nessa música. A gente não está dizendo muito sobre a segunda faixa [que eu gravei] porque talvez ainda vamos trabalhar em cima. Quando Bas me mostrou a terceira faixa, 'Stuck Inside', ele sugeriu que numa parte fizéssemos um dueto do tipo ele canta um verso e eu canto outro. Eles permitiram que eu criasse letras e melodias [na parte em que eu canto] e mesmo sendo apenas uns dois versos, ficou muito legal. A música tem um riff animal e os caras [da banda] do Bas foram tão legais na turnê que foi legal fazer parte de algo que eles fizeram. E eu acho que ficou muito bom.

Para mim, as três músicas juntas formam um bom conjunto. Elas são diferentes entre si (em termos de estilo, jeito de cantar) e também diferentes do material que eu tenho no próximo disco do Guns n’ Roses. Para mim, esse convite chegou na hora certa e eu estou surpreso de cantar não em uma música mas em três! Bas realmente sabia o que estava fazendo quando me chamou para cantar em seu álbum e tinha diferentes idéias. Ele sabia o que parecia óbvio, o que seria legal, o que funcionaria para seu disco e o que ele achou que eu fosse gostar. Eu realmente gostei da energia das faixas e já que raramente sou convidado para fazer qualquer coisa eu realmente gostei de fazer parte desse disco, fiquei grato pela oportunidade e espero que os fãs gostem tano quanto a gente"

O novo disco de Bach com os dois duetos com Axl chega às lojas no dia 20 de novembro. Conforme Axl afirma em seu depoimento, a produção do disco é de Roy Z (foto ao lado), conhecido pelo seu trabalho como guitarrista da banda solo de Bruce Dickinson. Se Roy tiver colaborado com a composição das faixas de "Angel Down", se prepare porque elas provavelmente serão boas - basta ouvir o clássico CD "Chemical Wedding" de Bruce Dickinson para ter uma idéia do talento de Roy.

Segundo Bach, seu álbum foi gravado em julho e agosto de 2006. As gravações de Axl foram adicionadas posteriormente. Uma versão inicial de "(Love is) a Bitchslap", sem os vocais de Axl Rose, chegou inclusive a ser distribuída e tocada em rádios dos EUA e apareceu no programa de TV canadense Trailer Park Boys. A nova versão com Axl ainda não foi liberada.

Resta agora saber se Axl Rose vai deixar Sebastian Bach lançar o seu próprio disco ou se vai forçar o ex-vocalista do Skid Row a remixar o disco ad infinitum...







AXL ROSE E SEBASTIAN BACH: PARCERIA DE LONGA DATA

Não é a primeira vez que Axl Rose e Sebastian Bach cantam juntos. Em novembro de 1990, Axl, Slash e Duff se juntaram a Sebastian Bach e também a Lars Ulrich, James Hetfield e Kirk Hammett do Metallica para uma performance especial na festa de aniversário da revista norte-americana RIP.

A 'superbanda' foi apelidada de GAK (na foto, sem Hetfield e Hammett) e tocou apenas esta única vez. Axl dividiu os vocais com Sebastian Bach no clássico 'Hair of the Dog' do Nazareth (que o Guns n' Roses regravaria anos depois no disco 'The Spaghetti Incident'). Veja o vídeo abaixo:




VÍDEO GAK - "Hair of the Dog"
Ao vivo na festa de aniversário da revista RIP, no Hollywood Palladium, em Hollywood, Califórnia, EUA, 09 de novembro de 1990




Em 2006, Axl e Sebastian voltaram a se encontrar no palco quando Axl chamou seu velho amigo para cantar no show 'da volta' do seu novo Guns n' Roses no Hammerstein Ballroom, em Nova York. Bach fez um dueto com Axl em "My Michelle" naquela noite e também nas outras três noites que o novo Guns de Axl tocou no Hammerstein. Depois disso, Axl convidou a banda de Sebastian Bach para abrir os shows do novo Guns n' Roses na Europa (parceria que continuou nos shows de 2007 na Austrália e Nova Zelândia). Veja no vídeo abaixo o dueto de Axl e Sebastian no festival KROQ Inland Invasion de 2006:


VÍDEO NOVO GUNS N' ROSES COM SEBASTIAN BACH - "My Michelle"
Ao vivo no festival KROQ Inland Invasion, no Hyundai Pavillion em Devore, Califórnia, EUA, 23 de setembro de 2006





Encontre: Guns n' Roses; Axl Rose; Pôsters do Axl Rose; Chinese Democracy; CDs do Guns n' Roses; DVDs do Guns n' Roses; Sebastian Bach; Skid Row; Aerosmith

Um comentário:

cleison mota disse...

o guns e demais eu amuuuuuuuu muito guns no coraçao porraaa...
yééééééééééé´.....baby......