quinta-feira, 30 de agosto de 2007

PREMIERE Veja - e faça o download! - do novo vídeo do Velvet Revolver: "THE LAST FIGHT"

Texto: Luciano Loccy (DIREITOS RESERVADOS/REPRODUÇÃO PROIBIDA)
Fontes: YouTube.com; Music.Yahoo.com; VelvetRevolverForum.com; HTGTH.com; MyGNRForum.com
Imagens: Music.Yahoo.com


As mãos de Scott não se mexem quando ele toca piano e Slash e Duff parecem distantes um do outro durante as cenas de performance. Essas são algumas das cenas que chamam atenção no novíssimo vídeo de 'The Last Fight' do Velvet Revolver, lançado hoje, 30 de agosto, no site Music.Yahoo.com. Assista o vídeo em primeiríssima mão aqui no blog NoticiasdoGuns. Veja abaixo!


VÍDEO VELVER REVOLVER - 'THE LAST FIGHT'



O vídeo também pode ser no site Music.Yahoo.com



Alguns comentários rápidos:

- Acho essa música bem fraca. 'Just Sixteen' e 'Get Out the Door' seriam muito melhores escolhas para singles de 'Libertad';

- Mas é claro que essa música vai ser a preferida de muita gente, até porque ela é idêntica à chatíssima 'Fall to Pieces';

- A escolha de 'The Last Fight' como single/clipe aparentemente segue a mesma lógica usada pelo Guns n' Roses para escolher 'November Rain' e 'Don't Cry' como singles/clipes: baladas são as preferidas das massas, dos executivos de gravadoras e dos vocalistas atormentados. O resultado é que obras-primas como 'Pretty Tied Up', 'Back off Bitch', 'Don't Damn Me', 'Coma', 'Get in the Ring' e 'Locomotive' (e, no caso do VR, as ótimas 'Just Sixteen' e 'Get Out the Door') são deixadas de lado.

- Fazer um clipe que começa com imagens de nuvens se mexendo no céu não dá;

- Fazer dois clipes que começam com imagens de nuvens se mexendo no céu não dá mesmo (veja AQUI);

- Clipe que começa com a imagem de nuvens se mexendo no céu e depois mostra o vocalista atormentado com cara de coitado (popularmente conhecida como 'cara de trôço') também não dá;

- Clipe com vocalista fingindo que toca piano não dá;

- Pelo menos Slash não subiu no piano para o solo de guitarra (provavelmente porque o solo é tão curto que acabaria antes do tempo que ele levaria para subir e descer do piano);

- Clipe com baterista em pose 'soldadinho de chumbo tocando tambor' é muito batido, Marcelo Bonfá que o diga;

- Clipe com imagens 'poéticas' e 'artísticas' que só significam alguma coisa para o vocalista 'atormentado' da banda (mas que para 99% das pessoas normais não querem dizer absolutamente nada) não dá;

- As cenas da banda tocando são legais, mas incomoda ver a 'distância' entre Slash e Duff (parece que a 'treta' entre os dois antes das gravações de 'Libertad' foi mesmo feia);

- Ficaram muito toscas as imagens que 'aparecem' no piano;

- Teoria das mensagens secretas parte 1: No final do clipe a última imagem que 'aparece' no piano é a imagem de uma rosa desabrochando. Espero que isso seja um sinal de que o Guns n' Roses vai voltar na semana que vem. Mas tudo indica que seja apenas mais uma 'metáfora' da mente atormentada de Scott Weiland;

- Teoria das mensagens secretas parte 2: As pessoas que aparecem sentadas nas cadeiras usam 'bandanas vermelhas' como vendas. Isso seria mais uma referência a Axl?

- A moça contratada para 'atuar' no vídeo é muito bonita. E só;

- As palavras escritas no 'livro' que aparece com Scott (e depois com a moça) no início do clipe são a letra de 'The Last Fight';

- Em alguns momentos das cenas da banda tocando, Scott parece estar disputando um concurso de dança com John Travolta;

- Em outros ele parece desesperado para aparecer na frente dos outros membros da banda;

- Aproximadamente aos 2 minutos de vídeo entram os 'backing vocais' da música, mas as imagens não mostram nem Duff nem Matt cantando; isso acontece somente na marca de 2m44s quando eles cantam o verso 'Who will answer my prayer';

- É a velha história: quando a música é boa o vídeo pode até ser ruim que não tem problema. Agora quando a música é chata não tem vídeo que salve...

- Essas são as minhas opiniões; Deixe as suas nos comentários!



DOWNLOAD:

Faça o download do vídeo AQUI (link rapidshare de hawk900) ou AQUI (link sendspace de Chili).



LEIA MAIS

VELVET REVOLVER grava vídeo para "The Last Fight"
DOWNLOAD DE MP3 + VÍDEO! Velvet Revolver ao vivo no Yahoo! Nissan Live Sets
PREMIERE Veja - e faça o download! - do novo vídeo "She Builds Quick Machines"



VEJA A COBERTURA COMPLETA DA RE-EVOLUTION TOUR 2007

SHOW #9 Scott 'zuado' no show do Velvet Revolver em Jones Beach
SHOW #8 Mortes provocam proibição de álcool no show do Velvet Revolver em Holmdel
SHOW #7 Scott cospe em fãs em show 'família' do Velvet Revolver
SHOW #6 Slash usa camiseta de fã em show de Mansfield
SHOW #5 Quase todos sentados para o Velvet Revolver em Toronto
SHOW #4 Velvet Revolver faz show de duas horas em Montreal
SHOW #3 Velvet Revolver toca 'Patience' e Duff fala que gostaria de uma reunião do Guns!
SHOW #2 Velvet Revolver toca para 1.000 sortudos em cassino de NY
SHOW #1 Velvet Revolver inicia turnê norte-americana de verão no Virgin Festival 2007



Encontre: Velvet Revolver; Libertad

9 comentários:

thedoidinho disse...

Olá! Aprecio seu blog por sempre trazer atualizações e notícias quentes do GNR e do VR. Acho Last Flight uma canção Pop, mas não acho que ela ou Fall 2 Pieces sejam ruins. São baladas, e há quem goste e há quem não goste. Gosto da evolução da melodia para o refrão, e como Scott tem conseguido encaixar suas melodias de uma banda tão diferente de seu STP. Vejo limitações de potencia de voz nele, mas também presto atenção em melodias e evoluções que não sei se axl seria capaz de criar. Isso fica mais evidente no último álbum do STP, shangri-la, aconselho vc a ouvir, especialmente pelas baladas, bem melhores que as do VR.

Quanto ao clipe, nao achei ruim, com exceção do reflexo no piano e Scott tocando. Acho que alguma vez, ou ele o Eddie Vedder bem que podiam ceder espaço em algum clipe para o produtor Brenda´O Brien, que por várias vezes tocou piano em musicas do pearl jam e do Stone temple pilots, e agora toca tbem no disco do VR.

É isso. Abçs!

www.musik4friends.blogspot.com

Luciano Loccy disse...

Opa, Doidinho, beleza?

Que legal que você tá gostando do blog.

Continuo achando que 'The Last Fight' e 'Fall to Pieces' são bem fraquinhas... Mas não sou contra baladas, inclusive acho 'Gravedancer' e 'Messages' do VR bem legais! Mas balada boa pro meu gosto é 'Wild Horses' dos Stones, ou mesmo 'Patience' do Guns, ou 'Sweet Caress' do Izzy (essa vale conhecer).

Acho que o Scott finalmente se acertou com o Velvet Revolver, na minha opinião 'Libertad' é o melhor disco de 2007 disparado e mil vezes melhor que 'Contraband' (nesse eu acho que Scott não encaixou com a banda).

Concordo com você quando você diz que Scott cria melodias que Axl não seria capaz de criar - e acho que esse é um ponto forte de Scott, ele tem o estilo dele, não tenta imitar o Axl (e parou de cantar igual ao Eddie Vedder - graças a Deus).

Acho que 'Come on, Come in' é um dos melhores exemplos de música do VR na qual Scott criou uma melodia ANIMAL e que não só encaixou mas praticamente 'FEZ' a música ser o que é (se você não conhecer, veja o vídeo de Come on Come in no post: http://noticiasdoguns.blogspot.com/2007/07/money-duff-cuida-dos-negcios-do-velvet.html).

Ah, segui sua sugestão e baixei a seleção do 'Shangri-la' que você fez no seu blog (http://musik4friends.blogspot.com/2007/08/stone-temple-pilots-shangri-la-dee-da.html). Mas só gostei de uma música, o resto achei meio fraco (não é meu estilo de música). Eu acho por exemplo 'Gravedancer' bem melhor que essas baladas do STP. Mas ao mesmo tempo eu acho que o Scott canta mais naturalmente no STP e acho que ele fica meio que tentando ser uma coisa que não é (um cara rock n' roll) no Velvet Revolver.

Ah, já coloquei teu blog na lista de favoritos do meu browser ( www.musik4friends.blogspot.com) e se você quiser 'trocar links' é só me avisar que eu crio uma seção de Links Legais e coloco o link do teu blog, achei bem louco e merece divulgação.

Inclusive achei bem legal o teu post do 'Dirt' (acho esse disco muito foda) e concordo com você: a voz de Scott lembra mesmo a de Layne Staley em algumas músicas. Inclusive tenho um amigo que chegou a achar que 'Come on, Come in' era Alice in Chains!

Bom, por enquanto é isso. Abraços, Luciano

Steve_Riley disse...

cara sinceramente, acho nada a ver isso de distancia entre Slash e Duff, tão sempre querendo falar alguma coisa que os caras estão mal um com o outro que a banda vai acabar e nao sei o que, as vezes isso enche um pouco, em relação ao piano, se vc prestar bastante atenção na música vai ouvir um piano de fundo, só em 1:34 se não me engano que dá pra ouvir duas notas nitidamente, ou seja, há piano na música e Scott não tá parado no piano não, dá pra ver, calramente até, ele movimentando as mãos, a questão do Scott dançando que vc diz querer imitar ou algo assim o Travolta e tal, Scott sempre dançou dessa forma, aliás ele dançou até menos do que costuma dançar, enfim, eu curti o clipe, achei bem feito e tal, a única coisa que realmente achei que faltou foi o momento Slash do clipe, tipo ele solando em algum lugar sozinho como geralmente acontece nos clipes em que tem Slash, talvez ele poderia solar sozinho naquele lugar que o Sorum aparece no começo do clipe, ficaria bacana, só isso mesmo que achei que faltou.

só uma coisa eu curto pra caralho esse blog, tá sempre atualizado, por vezes já usei informações daqui e postei em forum (com os devidos créditos obviamente :D) mas sempre que se fala sobre o VR aqui, fala como se a banda fosse acabar amanhã, eu realmente acho que isso fica chato as vezes, mas fora isso, o blog é foda :D

thedoidinho disse...

Cara, peguei seu ponto. Pelo que percebi, teu negócio é mais classic rock mesmo. Eu também curto, mas com STP aprendi a gostar de outras coisas também, como influência por jazz e outras coisas. Ele mudou a voz no terceiro disco do STP, de 1996, e desde então a voz do VR é a que ele mais tem usado. Vou baixar a balada do Izzy que vc falou, dele só conheço as baladas "gotta say" e "the grouper" (bem rollingstonianas).
Sobre come on come in, é um exemplo de que não só o slash conduz as melodias, como a mídia gosta de divulgar.

Fico honrado em ter meu blog mencionado em sua lista, e vou falar para meus pares no blog (não sei usar o blogspot direito) colocar seu blog no nosso.

Forte abraço!

Wagner

thedoidinho disse...

PS: Fiz uma resenha do Liberdad no meu blog, alguns posts atrás...se vc tiver um tempo, vale uma conferida!

Luciano Loccy disse...

Fala Steve,
Vou fazer um post explicando melhor porque eu acho que está havendo uma 'distância' entre Slash e Duff recentemente. Há relatos (dos próprios caras da banda) falando das brigas/problemas que aconteceram antes da gravação de Libertad e agora, durante a turnê, Duff tem dito insistentemente que quer muito fazer um terceiro disco com o VR mas que ele mesmo não sabe se isso vai acontecer. Aguarde pelo post, acho que você vai entender melhor a minha afirmação.
Fora isso, gostei de ouvir suas opiniões sobre o Scott e o clipe. Espero vê-lo por aqui mais vezes! Abraços, Luciano

Luciano Loccy disse...

Fala Wagner,

O negócio é música, mas rock n' roll é o que pega mais forte! O Sobre o Slash, ele mata a pau nos solos e riffs mas ele é um cara até certo ponto 'limitado' na hora de compor e estruturar uma música. No Guns, se não fosse o Izzy a maioria das músicas não existiria do jeito que é (ou não seria tão boa quanto é). Isso pouca gente sabe, pouca gente diz. Aliás fiquei MUITO SURPRESO ao saber que foi o Dave Kushner que fez 'Get out The Door' INTEIRA (ele mesmo disse isso numa entrevista). É na minha opinião uma das melhores do Libertad. Dá uma checada por aqui nos próximos dias que vou colocar o teu blog na seção de links. Abraço!

thedoidinho disse...

Cara, gostei de vc comentar do Izzy. Pouca gente reconhece ele como uma força criativa na composição. O resultado de músicas sem o toque dele são músicas com pegada, mas parece que faltam algo. Não lembro se essa do GNR foi feita sem ele, mas para mim são 2 canções parecidas: spectable, do contraband, e get in the ring, do UYIII. valeu pela força , conversei com o moderador do meu blog sobre o link tambem, eu sou apenas um dos postadores.

abraço, e bom fim de semana!

Anônimo disse...

ler todo o blog, muito bom